18 jul 2024
Carnaval 2024: confira um roteiro da folia LGBTQIA+ em Salvador

CARNAVAL 2024: ROTEIRO DA FOLIA LGBTQIA+ EM SALVADOR

Confira a lista com dicas dos melhores blocos, shows e festas para curtir o carnaval 2024 em Salvador

por JOÃO GABRIEL MOTA

Popularmente conhecida como a maior festa de rua do mundo, o Carnaval de Salvador é, também, uma entidade metamórfica.

Da decadência dos tradicionais blocos da Axé Music ao surgimento de movimentos como o PagoTrap, a folia soteropolitana consegue equilibrar cânones e estrelas em ascensão numa programação regada a chuva, suor e cerveja.

É justamente essa diversidade de possibilidades que torna a folia da Roma Negra tão especial. Em que outro lugar do mundo seria possível comemorar o cinquentenário do primeiro bloco-afro do Brasil, o Ilê Ayiê, e, logo depois, arriscar os passinhos da sugestiva “Macetando”, de Ivete Sangalo? Abaixo, destaco alguns rolês (a grande maioria, gratuitos) imperdíveis no Carnaval 2024 de Salvador

Trios Especais

Além dos tradicionais blocos de carnaval e trios sem cordas, as programações privadas, da Prefeitura e do Governo do Estado, sempre surgem com alguma surpresa. Em 2024, destacam-se o Trio do AFROPUNK, na quinta-feira, às 20h (com Psirico, Larissa Luz, Lunna Montty, Vandal e o Carnaval de Notting Hill), e o Trio da Cultura, que promove o encontro de Margareth Menezes e Chico César com Gilberto Gil, na varanda de seu Expresso 222, circulando no sábado da folia, ambos no Circuito Barra-Ondina.

Afropunk [Foto: Rafael Soares/Instagram/Reprodução]
Afropunk [Foto: Rafael Soares/Instagram/Reprodução]

Pelourinho, negritude e magia

Se você busca fugir dos Circuitos Dodô e Osmar, conhecer o Carnaval do Pelourinho é uma boa pedida. Na sexta, destaque para o esperado show de Daniela Mercury e Blocos Afros, Larissa Luz e Nação Zumbi, no Largo do Pelourinho. Marina Sena e Duda Beat prometem agitar a segunda do Largo, provando que o sol brilha para todos nos dias do Momo. Essencialmente baianos, Mariene de Castro, Nelson Rufino, Samba Ohana e Viola de Doze são uma boa pedida para quem busca um domingo mais tranquilo. 

Pelourinho no Carnaval [Foto: Carol Garcia/Divulgação]
Pelourinho no Carnaval [Foto: Carol Garcia/Divulgação]

Na pipoca com as divas

Ludmilla, Ivete Sangalo e Daniela Mercury são alguns dos medalhões da música brasileira que se apresentam no carnaval de Salvador em trios sem cordas. Com um público majoritariamente LGBTQIA+, sempre é uma boa pedida buscar Dalila na terça-feira de carnaval, no Campo Grande, e seguir a pipoca da Rainha Má, na Barra ou na avenida.

Ivete Sangalo é figura carimbada do Carnaval de Salvador [Foto: Divulgação]
Ivete Sangalo é figura carimbada do Carnaval de Salvador [Foto: Divulgação]

Coreto Colorindo Salvador

Localizado no 2 de Julho, núcleo da boemia do centro da cidade, o Coreto reúne, entre os dias 9 e 13 de fevereiro, atrações como a DJ e agitadora cultural Paulilo, com seu Paulilo Paredão, o rapper DiCerqueira e a DJ Luna Montty. Na sexta, Gerônimo, ícone-máximo da música baiana, também se apresenta no palco.

O cantor Gerônimo [Foto: Divulgação]
O cantor Gerônimo [Foto: Divulgação]

Todo Carnaval Tem Seu Fim?!

O baiano é, essencialmente, inimigo do fim. Para coroar a disposição infinita, o novíssimo Viva Verão promete arrastar foliões saudosos na Praça Cairu de 16 a 25 de Fevereiro. Na programação, os shows de Mariene de Castro com Lia de Itamaracá, Gaby Amarantos, Glória Groove com Hiran e o reencontro de Ayabass a.k.a. Nordestiny’s Child (Luedji Luna, Larissa Luz e Xênia França) são alguns dos destaques. 

As mulheres do Ayabass [Foto: Divulgação]
As mulheres do Ayabass [Foto: Divulgação]

Ufa! Essa é só uma pequena amostra do que é o carnaval de Salvador, que começa na virada do ano e parece não ter fim nas cinzas da quarta-feira. Protetor solar, roupas leves, dinheiro sacado (nada de cartão ou pix, gatinhas) e doleiras não podem ficar fora de seu kit de sobrevivência. Dica de ouro: sempre que uma fila de polícias passar no meio da multidão, abra espaço.

JOÃO GABRIEL MOTA

Estrategista de Conteúdo, João Gabriel Mota é Coordenador de Conteúdo e atua na equipe de curadoria do AFROPUNK e Analista de Cultura e Conteúdo da IDW, agência full-service do festival. Em 2023, atuou como um dos curadores do Club Renaissance, evento de lançamento do documentário homônimo de Beyoncé em Salvador.

Instagram